sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Solidão, solitudo

Sinto-me mal,
sinto um nó preso na garganta.
Minha voz esta sumindo,
esse nó faz com que eu não fale

Isso me traz dor
Estou a dois passos do abismo da solidão
e eu quero cair,
lá esta minha redenção.

Não quero levar nada daqui
Não quero sentimentos,
não quero amor

Quero que me deixem, me deixem cair
Preciso que se afastem e me deixem sozinha,
preciso ir para longe e
apagar tudo isso
esquecer da dor que me aflige

Mas são apenas lembranças,
como fugir delas?
Se elas estão em toda parte e no meu coração, na minha...

2 comentários:

  1. só pra registrar, mas eu já te disse que é lindo!!!

    ResponderExcluir
  2. melhor texto do blog. *_*

    parabéns

    Zequinha

    ResponderExcluir